Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

25/09/16

Re:Zero mostrou como se faz um anime






Re:Zero, se ainda estivesse em exibição, hoje sairia mais um episódio desse grande anime e a internet pararia para comentar (eu sei que é exagerado usar ''a internet'', foi só um exemplo, não pire), todos animados com o episódio, falando suas teorias, e um pessoal doido em saber dos spoilers da série.

Mas Re:Zero acabou, pelo menos o anime, e hoje, uma semana após seu fim, vamos falar não sobre a história, mas sim de como Re:Zero nos mostrou como um anime bem feito foi feito.
(Uma análise da história será postada depois)








Tem muito tempo que eu não via um anime ser tratado com tanto respeito como foi com Re:Zero. Você pode até não gostar do anime, odiar ele com todas as forças e estar irritado por estarmos falando dele, mas você terá que concordar com tudo que irei falar aqui nesse artigo. Vamos começar.

Re:Zero é originalmente uma Light Novel, a história é publicada em formato de livros, com ilustrações de animes , cada livro contém muita história, e a média de páginas por livro é de 300 (e se você não sabe o que é uma Light Novel ou queira saber mais, leia esse artigo aqui).

1. A equipe da produção do anime é fã de Re:Zero



Várias foram as entrevistas em que o diretor do anime mencionou que ele leu a obra original e que o resto da equipe também leu antes e durante a produção do anime.

Você deve pensar agora ''Ué, mas é óbvio que eles tem que ler, como vão produzir o anime?'', e isso é uma verdade, mas nesse caso tivemos uma diferença em relação à vários outros estúdios. No caso de Re:Zero, o que seria apenas mais um trabalho, acabou se transformando em empolgação, pois a equipe ficou fã da história, e acabaram colocando o amor deles por Re:Zero no anime.

Imagine você poder adaptar uma história que você gosta, é claro que você iria trabalhar com todo o seu amor e cuidado para fazer a melhor adaptação que pudesse, para transmitir toda a emoção que as light novels passam, diferente de uma história que você não curte e que você vai tratar apenas como um trabalho normal (e fazendo vários cortes na história, como a maioria dos estúdios fazem, não tem nada de errado nisso, mas quando vemos um caso diferente, isso empolga).

2. A qualidade do anime






Animação de Re:Zero se manteve consistente na maior parte do tempo da série. Ele não tem exatamente uma arte nível Ufotable, mas é um anime bem agradável de se assistir, existem os bugs (principalmente nos últimos episódios), mas no geral o visual é agradável.






















3. Adaptar um volume que ainda não foi lançado


Aqui entra mais uma vez o quesito respeito pela obra, a White Fox para não finalizar de uma forma errada, adaptou (não todo) o volume 9 da Light Novel, que nota, não foi lançado na época que os últimos episódios foram lançados (o volume 9 saiu depois do final do anime),

O Twitter oficial chegou a publicar que o anime iria seguir a novel, mesmo após ultrapassar.
Isso é muito bom, não deixa que o anime tenha final filler apenas por passar a obra original (apesar de sites chineses, espanhóis e alguns americanos noticiarem que o final de Re:Zero teria filler, sim a gente publicou a notícia deles também junto com a notícia do twitter oficial falando que seria oficial).

Apesar de ter sido algo bom, não é a primeira vez que um estúdio faz isso, eu só não lembro agora qual outro anime fez isso também, desculpa.

4. A adaptação

O anime adaptou 9 volumes da Light Novel.
foram os 3 primeiros arcos da história (que está programada para ter 11 arcos).

E bom, foram 9 volumes de 300 páginas em um anime de 25 episódios, qualquer estúdio normalmente cortaria muito da história para poder caber tudo, mas não a equipe apaixonada da White Fox.

O que eles fizeram foi aumentar o tempo do anime.



A tabela acima circulou no twitter após o fim do anime para mostrar o tempo que o anime cortou de propagandas para poder adaptar tudo no limite do possível.

Caso você não entenda inglês, eu vou falar aqui o que eles fizeram.

Tópico 1. Duração dos episódios.

A média de cada episódio de Re:Zero era de 24 minutos e 25 segundos, na verdade, a maioria dos animes tem esse tempo como o tempo base de um episódio, fora comercial, abertura e encerramento.

Contando o tempo total de Re:Zero, de história + abertura + encerramento, temos 10 horas 40 minutos e 40 segundos.

Contanto apenas a história, sem a abertura ou encerramento, Re:Zero tem uma história corrida de 10 horas 13 minutos e 40 segundos.

Tópico 2. Corte nas aberturas e encerramentos

Esse tempo de história corrida foi possível graças ao fato do estúdio pular as aberturas e os encerramentos, normalmente os estúdio usam a OP e a ED para economizar com a animação, ter menos tempo do que animar e etc, mas a White fox não fez isso. Tivemos abertura em apenas 10 episódios dos 25, e o encerramento em 8 episódios (O I significa que o encerramento tocou enquanto rolava história).

Eles não economizaram, ao contrário, trabalharam mais para entregar a melhor experiência que puderam,

Na coluna Length você vê o tempo total do episódio, na coluna Actual Time, você vê o tempo total de história corrida, na coluna Extra Time, quantos minutos extras a história teve e na coluna Effective Episodes, se faz uma média de episódios totais, e como você vê, se formos considerar todos os números, Re:Zero teve praticamente quase 29 episódios.

A White Fox não economizou, eles poderiam muito bem ter cortado ainda mais coisas (eles cortaram bastante coisa do arco 3), ter botado abertura e encerramento em todos os episódios, ter deixado de adicionar minutos extras em alguns episódios (3 episódios fora o 1º tem tempo extra), e ter feito uma adaptação mais ou menos, mas não, eles fizeram realmente um bom trabalho e mostraram algo que tinha tempo que eu não via.

Fora esses fatos, durante a exibição tivemos várias coisas bacanas.
O autor, Nagatsuki Tappei toda semana comentava sobre os episódios no Twitter, respondendo os fãs (ele até entrou na brincadeira do ''quem é Rem?'').
A propaganda que colocaram para avisar que um dos episódios de Re:Zero teria 3 minutos a mais.
Muita gente parando para conversar sobre o anime em fóruns, Twitter, Facebook e criar teorias sobre a história.

Sim Re:Zero vai deixar saudade, é claro que tem seus erros, mas querer apontar erros diante de tudo que a White Fox fez é ser mau carater nessa altura, numa época em que vemos adaptações mais ou menos, cortando ou mudando muita coisa, essa aqui tem que ser aplaudida sim.

E como a propaganda abaixo fala, a segunda temporada está na Light Novel.

Você pode não gostar, odiar, detestar Re:Zero, mas sua adaptação foi uma das melhores nos últimos tempos, obviamente tivemos poucas boas adaptações nos últimos anos (como as de Fate pela Ufotable), mas essa de Re:Zero merece destaque.









Nenhum comentário:

Postar um comentário