Ilustração mostra a diferença entre hentai feito para mulheres e homens

Ilustração mostra a diferença entre hentai feito para mulheres e homens




A diferença entre como a mulher prefere hentai, em relação aos homens, é ilustrada através desse desenho de refeições


Uma das grandes mudanças na indústria de anime e manga da última década, foi o aumento no número de obras com mulheres como público alvo. Isso também inclui mais conteúdo sexualmente explícito voltado para mulheres, até porque, o desejo sexual e a vontade de pagar para ver "ação" entre personagens 2D não é algo exclusivo para homens otaku.

Dito isso, ainda há diferenças em como homens e mulheres gostam de suas cenas sensuais, ou "H scenes" como eles chamam no Japão. O usuário @nekotaro21 decidiu apontar essas diferenças com um desenho simples comparando as refeições com as cenas.

Para as Mulheres

Ilustração mostra a diferença entre hentai feito para mulheres e homens
Primeiramente, várias cenas onde vemos o dia-a-dia dos personagens, comportamentos e as circunstâncias que estabelecem o relacionamento entre eles (ilustrado pelos aperitivos e entrada de uma refeição).

Diferença hentai homem e mulher
Seguido de uma seleção de eventos que levam a consolidação do relacionamento (ilustrado pelos itens de uma refeição num prato bem distribuído e esteticamente bonito).

Diferença hentai homem e mulher
E então, é hora da refeição principal: a cena de sexo.

Diferença hentai homem e mulher
Finalmente, para finalizar a experiência e deixar um gosto agradável no final, algumas cenas de conversa na cama e outros eventos que dão uma ideia de como será o relacionamento do casal daqui pra frente.

Para os Homens

Diferença hentai homem e mulher
CENAS DE SEXO!!!! Ilustrado por um enorme katsudon, os homens podem aproveitar a refeição principal logo do início.


Enfim, não dá pra dizer qual estilo é melhor, pois pornografia é igual comida, cada um tem seus gostos. Apenas lembrem-se de, independente de seu gênero e gosto, ter sempre "boas maneiras na mesa".


0 Comentários:

Postar um comentário