Japonês lista 40 diferenças entre séries americanas e japonesas

Japonês lista 40 diferenças entre séries americanas e japonesas




O site Rocketnews pediu para seu repórter japonês, Takashi Harada, assistir séries americanas e listar as diferenças que ele perceber das séries japonesas, e a lista abaixo é a lista dele.

Nota: eu não assisto séries, nenhuma, e algumas coisas dessa lista não fizeram muito sentido para mim porquê eu traduzi a lista, mas não é apenas traduzir, tem que entender o contexto também, então se tiver alguém aí que curte séries e ver que um item tá estranho, bote aí nos comentários uma adaptação mais correta ok. O post original é este.

Vamos a lista:

  1. Eles realmente superam os valores de produção
  2. As aberturas são bem legais
  3. Os personagens enfrentam várias crises infinitas
  4. Você tem quase certeza que em algum ponto da história vai aparecer alguém viciado em uma droga
  5. Os personagens vão às sessões de terapia em grupo
  6. Sempre tem um personagem pesado
  7. O prenúncio é sempre pesado
  8. O final dos episódios é impactante, então você fica ansioso por ver o próximo
  9. As pessoas conseguem roubar carros muito, muito fácil
  10. Quando alguém liga um carro, o motor irá virar da forma mais dramática possível
  11. As equipes pirotécnicas não mexem e as explosões são enormes
  12. A primeira temporada geralmente acaba sendo a melhor
  13. O final da série parece anticlimático
  14. As pessoas conseguem derrubar portas como se fossem feitas de madeira compensada 
  15. Os personagens que deveriam ser estudantes tem aparências bem mais velhas
  16. Se algo bom ocorre, todos os personagens param o que estão fazendo e fazem uma festa
  17. Quando mostra alguém comendo um hambúrguer, é gigante
  18. Na verdade, toda comida é gigante
  19. Todos guardam os seus remédios em um gabinete
  20. As pessoas tem problemas com queda de chapéus 
  21. Quando os personagens beijam, eles realmente usam a língua
  22. E os beijos são longos
  23. E, eles beijam sérios
  24. As roupas das mulheres mostram muita pele
  25. Amigos acabam namorando
  26. Personagens que você achava que estavam mortos do nada voltam a vida
  27. Amizades acabam bem fácil
  28. Há sempre um personagem com um parafuso solto que você nunca sabe que tipo de coisa maluca ele vai fazer
  29. E ele geralmente acaba sendo crucial pro enredo
  30. As pessoas bebem cervejas em garrafas ao invés de latas
  31. Se alguém é rico, ele é super rico
  32. Os tiroteios passam na borda do seu assento
  33. Os roteiristas equilibram sempre as coisas boas com as ruins para os personagens
  34. Todos desligam o telefone quando terminam de falar
  35. Se tem personagens apaixonados, eles não perdem a chance de falar ''eu te amo'
  36. Alguém vai falar pro seu bichinho de estimação ''É um bom menino''
  37. Quando as crianças recebem bronca dos pais, elas não podem sair de casa
  38. A legenda e a dublagem são diferentes
  39. Assistir com legendas é melhor, mas dublado tem seu próprio sabor
  40. Depois de assistir o primeiro episódio você tá viciado e quer ver o resto da série.
As séries japonesas tem aberturas curtas, e normalmente a música de abertura é alguma música de uma banda famosa, então é raro termos aberturas com cenas dramáticas.

As séries japonesas são feitas para durar uma média de 12 episódios, então não rola envolver vários conflitos na história, só o básico para aquela temporada; se a série ganhar uma nova temporada, normalmente ela terá novos conflitos.

Em dramas japoneses normalmente tratam crianças como seres puros, então é raro ver pais dando bronca.

E sim, beijo é a maior diferença, eu não vejo séries, mas já vi alguns muitos doramas e sempre achei as cenas de beijo muito meh, mas isso é questão de cultura, e eu entendo perfeitamente.

O que acharam?


0 comentários:

Postar um comentário