Como são de verdade os festivais escolares no Japão?

Como são de verdade os festivais escolares no Japão?




"Eu me pergunto se os festivais culturais nas escolas japonesas realmente são algo que existe, e caso existam, eles são exatamente como mostrado nos animes? Coisas do tipo café com empregadas, casas assombradas, etc? Todos os alunos que trabalham no festival passam a noite na escola? Quem pode visitar esses festivais? Eles são populares?"

Quase todas as escolas no Japão, de pré-escola até as faculdades, organizam um festival cultural anual, ou em japonês, bunkasai. Os bunkasai tem como objetivo motivar os estudantes e exibir suas habilidades artisticas e de organização para membros da família, além do público em geral que possa se interessar em visitar a escola. Como vocês devem imaginar, os festivais são bem diferentes de acordo com os diferentes grupos de idades. Pré-escolas e jardins de infância geralmente só mostram o dia a dia típico. As turmas do primeiro ensino fundamental geralmente fazem uma peça escolar (gakugeikai), e com o passar dos anos podem ir alternando festivais de artes ou concertos de música.

Como são de verdade os festivais escolares no Japão?

Mas, nós fãs de anime, estamos mais acostumados com os eventos do segundo ensino fundamental e do ensino médio. E os animes geralmente tendem a retratar de uma forma realista esses festivais (exceto em algumas comédias). Todo ano a escola define um tema, e cada classe é encarregada de construir um tipo de evento relacionado a esse tema. As classes votam e decidem o que fazer. Muitos fazem cafés temáticos, casas assombradas, jogos, etc. Alguns até organizam cerimônias de chá. Além das classes individuais, membros de clubes também aproveitam para organizarem algum evento, o que dá bastante opção para o público que está visitando. Geralmente, as classes utilizam suas próprias salas de aula, mas quando os clubes estão envolvidos, a escola inteira é "transformada".

Como são de verdade os festivais escolares no Japão?

A ideia geral é que o evento de cada classe deva ser organizado e coordenado inteiramente pelos estudantes, com pouca ou nenhuma ajuda de seus professores, que estão lá exclusivamente para supervisionar. Esses eventos podem ser um pouco trabalhosos, que faz com que os estudantes, geralmente, fiquem até mais tarde para tentar deixar tudo pronto. A maioria das escolas possui algum tipo de "grande evento" também, como uma dança, uma fogueira, ou mesmo algo criado pelos professores. Cada escola cria sua própria "identidade" e regras também. É um momento agitado e animado no calendário escolar, que promove a união dos laços entre colegas e estudantes, fortalecendo o senso de amizade. A participação é obrigatória.

Como são de verdade os festivais escolares no Japão?

Já no nivel das faculdades e universidades, os festivais são ainda mais ambiciosos, pois não há uma "classe" específica como temos na escola, então tudo é mais voltado para os clubes. Esses eventos são exibidos para públicos maiores e em grande escala, então dependendo da escola, eles podem ser bem intensos. Escolas famosas como a Universidade de Tokyo são visitadas por graduados/bacharelados/antigos alunos, e muitas pessoas visitam esses eventos. Como as escolas japonesas são tão "competitivas" entre elas, esses festivais são uma oportunidade para elas mostrarem o que cada uma pode oferecer de único e interessante.

Os bunkasai acontecem geralmente no final de outubro e início de novembro, para coincidir com o "Dia da Cultura", um feriado nacional no dia 3 de novembro. Esses festivais duram em volta de dois dias, geralmente Sexta e Sábado. O primeiro dia é apenas para os estudantes e suas famílias, e o segundo é aberto para o público geral. Porém cada escola tem regras diferentes, então se você tiver no Japão, você pode muito bem visitar um sem problemas!














0 Comentários:

Postar um comentário