Japão oferece amigos falsos para fotos em redes sociais

Japão oferece amigos falsos para fotos em redes sociais






Você quer impressionar as pessoas de suas redes sociais, mas sem ter o trabalho de ter que fazer amigos de verdade? Bem, o Japão tem a solução pra você!


Já publicamos anteriormente na nossa página sobre esse tipo de serviço. Mas apesar de ainda ser um pouco incomum, recentemente, o serviço de "amigos falsos" foi apresentado na televisão japonesa.

De acordo com Maki Abe, que administra um serviço parecido, no último ano sua empresa recebeu por volta de 20 solicitações de fotos falsas para redes sociais. Sua empresa, por exemplo, encenou uma festa só com garotas para apenas um cliente de 20 anos de idade.

Japão oferece amigos falsos para fotos em redes sociais


No entanto, essa outra empresa (que já publicamos aqui), chamada Family Romance, disse que recebe um número absurdo de 20 a 30 pedidos por mês. Além de promover esse serviço como uma maneira de mostrar que você tem uma "vida social ativa", a Family Romance sugere que os clientes podem utilizar seus serviços para "se vingar" ou "aparecer" para um(a) ex-namorado(a).

A Family Romance também "aluga" seus funcionários para participarem como convidados de casamento, seminários e até mesmo como pais falsos para clientes que queiram apresentar seus "pais" a uma namorada.

E quanto custa mais ou menos esse tipo de serviço? Bem, a Family Romance cobra 8.000 ienes (aproximadamente R$227,00) o aluguel de um amigo por duas horas. Então alugar quatro amigos por duas horas custaria aproximadamente R$908,00.


Você pode escolher a idade, o gênero, e até mesmo o que eles deverão vestir (sem custo adicional).

Aqui temos uma festa de aniversário com atuação dos amigos falsos. Depois disso, os amigos alugados mudam de roupa e local, para parecer que as fotos foram tiradas em dias diferentes.


O cliente no centro é rodeado por amigos falsos. E então, finalmente, poderá compartilhar em suas redes sociais.

"O número de pessoas que querem aparentar que são "melhores do que o necessário" para outros está crescendo" disse Abe. "Para ser sincera, acredito que o número de pedidos vão diminuir. Eu acredito que as pessoas mais jovens sentem que não podem revelar o seu lado vulnerável."


A reação dos japoneses no Twitter foi de que esse serviço é "pesado" e deprimente.

0 comentários:

Postar um comentário