Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime 2016

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016




Esse relatório foi elaborado em Março de 2016 pela Associação Japonesa de Animações. Os devidos créditos aos autores podem ser encontrados ao fim do post. Tradução e edição de Guilherme Cabral para a Você Sabia Anime


Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016
(Clique na Imagem para Ampliar)

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016
(Clique na Imagem para Ampliar)

Indústria de Animação Japonesa continua expandindo, registrando um crescimento por 6 anos consecutivos e com as maiores receitas pelos últimos 3 anos consecutivos


Receita de mídias como DVD e Blu-Ray e Merchandising diminuíram consideravelmente e as receitas de TV e Pachinko caíram levemente. Por outro lado, receita de filmes, músicas e distribuição online tiveram aumento nos números, enquanto a receita de entretenimento ao vivo e do ocidente também tiveram avanços importante.

Será que estamos presenciando a 4ª "revolução" de anime?


Podemos dizer que a indústria de animação japonesa está nesse momento. O mercado ultrapassou significativamente o ápice da última "revolução" (que aconteceu no meio entre 2000 e 2010) e está em crescimento contínuo pelos últimos seis anos com recordes em lucros nos últimos três. No entanto, dessa vez, não há obras "liderando" essa revolução (como foi feito anteriormente com Astro Boy, Pokémon, Mononoke Hime, etc). Talvez Kimi no na wa seja a obra mais reconhecida dos últimos tempos que poderia ser um possível candidato, porém o mercado já estava apresentando recordes e resultados positivos muito antes da chegada dessa animação.

Tópicos na Indústria de Animação Japonesa de 2015 a 2016


A era de animes "noturnos" chegou. O número total de minutos de animes que passam durante a noite finalmente ultrapassou aqueles direcionados a crianças/família no Japão. Essa mudança também sugere o rumo da animação global no futuro. O Japão está numa posição de vantagem tanto na produção quanto no marketing na área de animação adulta. No ocidente, animações também estão deixando de ficar no círculo apenas para crianças e se expandindo para adolescentes, famílias e adultos. No entanto, o Japão possui um monopólio virtual na questão de animações adultas e a indústria já reconheceu o potencial dessas animações no mercado global, especialmente em modelos de negócio onde a internet é o foco. Em algum momento, outros perceberão que não se trata mais de um mercado pequeno e sim de um modelo de negócios em que o Japão lidera com tranquilidade e possui o potencial de penetrar no mercado global. 

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016

Crescimento significativo de Receita no Mercado Ocidental


Em 2015, o número de contratos quadruplicaram e as receitas aumentaram significativamente no ocidente. Os valores de exportação, que haviam ficado estáveis por três anos, de repente aumentaram de 19,5 bilhões de ienes para 34,9 bilhões de ienes, superando até mesmo o antigo recorde de 2005 de 31,3 bilhões. O fator principal para essa subida foi o mercado chinês. Apesar das vendas em países da América e da Ásia terem todos aumentados, o maior responsável é o mercado chinês que constitui mais da metade desse aumento. 

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016
Valores convertidos em Milhões de Dólares (US$)

Pelo gráfico anterior, podemos notar que o ritmo estava "cozinhando" nos últimos anos e estourou de vez em 2015. Obviamente que a Indústria enxerga isso com bons olhos, mas um dos temores é que essa tendência pode ser outra "bolha". Especialmente na China onde todas as indústrias, incluindo as culturais, respondem a questões político-sociais questionáveis do país. O que aconteceria, por exemplo, se o governo chinês decidisse banir esses tipos de conteúdos do Japão (como já aconteceu com outros países)? Por isso é tão complicado prever e fazer uma análise de mercado precisa nesse mercado,  pois sempre há possibilidades de intervenções políticas. 

Crescimento do Entretenimento ao Vivo


Entretenimento ao vivo com temática de anime fizeram grandes avanços nos últimos anos. O mercado dobrou nos últimos três anos desde 2013, quando a pesquisa para esses números começou. Em 2015, atingiu-se o recorde de 52.3 bilhões de ienes de receita, um aumento de 68,4% em relação ao ano anterior. Esse aumento também acompanhou o crescimento da indústria de música, que inclui concertos musicais, shows em palcos, etc. Outros crescimentos consideráveis são de exposições de anime, cafés, e até museus de anime. Toda a indústria de Animação está se adaptando de uma coisa que era apenas "assistida" para algo que pode ser "sentido", "vivenciado". 

O Sucesso de Kimi no Na Wa como Exemplo de Expansão


Quando falamos em grandes impactos na indústria de animação, geralmente o nome "Hayao Miyazaki" é sempre citado. Até o final do ano passado, "Kimi no na wa" foi considerado a primeira obra de animação com um enorme impacto social desde "A Viagem de Chihiro". "Kimi no na wa" é a primeira obra que chega perto dos feitos de bilheteria e receita de mais de 10 bilhões de ienes (além da popularidade e repercussão) que não é de Hayao Miyazaki... isso em algumas semanas. A chegada de "Kimi no na wa" silenciou os críticos que afirmavam que a "próxima geração de animes não estava em crescimento" e mostrou que a animação japonesa ainda tem talento de sobra. 

Tendências do Mercado de Animação Japonês (2016)


Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016

Animação Japonesa nos Mercados Exteriores

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016
(Clique na Imagem para Ampliar)


Distribuição dos Estúdios de Animação no Japão

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016
(Clique na Imagem para Ampliar)

Essa matéria para a Você Sabia Anime só foi possível graças ao trabalho da Associação Japonesa de Animações e a publicação de seu relatório anual sobre a Indústria de Anime. 

Título: Anime Industry 2016
Autor: The Association of Japanese Animations
Data de Lançamento: 30 de setembro de 2016
Preço: 6.000 ienes
Versão para Download: http://www.spi-information.com/report/13860.html
Versão Física: http://www.spi-information.com/report/13859.html

Tokyo Anime Center Official [email protected] info
Akihabara UDX 2F, Sotokanda 4-14-1, Chiyoda, Tokyo, Japan

Kyoto International Manga Museum
Karasuma-Oike, Nagakyo-ku, Kyoto, Japan

Mais informações no site: http://www.spi-information.com/

Relatório Resumido sobre a Indústria de Anime em 2016

0 comentários:

Postar um comentário