Estudante japonês faz pegadinha com assistente de professora usando laxantes

Estudante japonês faz pegadinha com assistente de professora usando laxantes




A pobre assistente de professor precisou ser levada até o hospital às pressas


Estudantes japoneses do Ensino Fundamental geralmente são bem comportados, mas em qualquer lugar do planeta sempre vai existir aquela turma mais rebelde.

Um desses alunos, da cidade Owariasashi, da província de Aichi, acabou pegando um pouco pesado em uma de suas pegadinhas. Uma das assistentes de professor recebeu, durante o almoço escolar, uma tigela cheia de sopa. Como era comida demais, ela despejou um pouco de volta a panela de onde a sopa havia sido servida. 

O que ela não sabia, é que sua sopa tinha um ingrediente extra...

Após o almoço, a mulher sentiu uma sensação estranha na boca e decidiu ir até a enfermaria. E foi lá que ela recebeu a notícia: ela consumiu uma quantidade desconhecida de laxantes.

Estudante japonês faz pegadinha com assistente de professora usando laxantes

Não muito tempo depois, outros três estudantes de sua classe da 8ª série também passaram mal, com o mesmo diagnóstico. Após investigações, um estudante confessou que colocou laxantes na sopa dela como pegadinha para a assistente de professor. Mas como ela devolveu um pouco de sua sopa de volta na panela, ela sem querer acabou incluindo mais três pessoas na pegadinha que haviam "repetido" a sopa.

O culpado se desculpou pelo incidente, mas obviamente que a galera online não perdoou.

"Ele não vai ser preso?"
"Se você realmente está arrependido, deveria tomar os laxantes e sentir o que eles passaram."
"Quando você contamina comida com algum tipo de droga, não é mais só uma pegadinha. O culpado deveria arcar com todos os custos médicos."
"Claramente é um crime. Parem de dar tratamento diferenciado só por ele serem 'crianças'. Eles precisam aprender as regras da sociedade."
"Isso é terrível. Ele deve ser um psicopata se achou que isso era uma pegadinha."

A assistente precisou ser levada as pressas até o hospital, e está se recuperando aos poucos. Se ela não tivesse devolvido parte da sopa, ou tomasse toda a dose que foi colocada inicialmente, as coisas poderiam estar bem piores.

Só podemos especular de que a escola lidou com a situação aplicando alguma ação disciplinar apropriada.














0 comentários:

Postar um comentário