Sho Tanaka, produtor de Re Zero e outros animes, comenta sobre a industria

Sho Tanaka, produtor de Re Zero e outros animes, comenta sobre a industria




O site Eiga.com postou uma entrevista com o produtor da Kadokawa, Sho Tanaka na segunda, na entrevista Tanaka comenta sobre a industria de animes e o que as vendas físicas significam.

Tanaka diz que escuta pessoas falando que ''as vendas fisicas estão caindo'' por mais de 10 anos, porém, ele pensa que vendas de DVD/BD ainda são importantes, apesar da industria estar mudando aos poucos.

Tanaka comentou ainda suas opiniões sobre a distribuição estrangeira e eventos, ele disse que mesmo animes que não conseguem um buzz no Japão, às vezes fazem muito sucesso no exterior, e muitos títulos acabam se dando bem para os comitês de produção, Tanaka disse que as vendas físicas de sua empresa podem ser pobres, mas a empresa é capaz de recuperar da perda. (ah, então ele admite que as vendas são ruins, que bom).

Embora as vendas físicas não estejam prosperando, ele diz que ainda servem de espinha dorsal da industria, Tanaka disse que ele ainda depende pessoalmente de vendas de DVD/BD ao invés de experimentar novas iniciativas de negócios para animes. Ele acredita que o fluxo de dinheiro na indústria ainda gira em torno dessas vendas.

Além disso Tanaka disse que não estava impressionado com os animes de 2017, ele achou que haviam poucos animes originais e que muitos quiseram fazer sequências de sucessos anteriores, porém ele elogicou Made in Abyss

Tanaka trabalhou como produtor em animes como: Re:Zero, No Game No Life, Overlord, Freezing, Hinako Note entre outros, a lista completa você pode ver aqui

-----

O mais interessante foi ver alguns comentários de japoneses a entrevista, muitos falaram que agora tem streaming e que não sentem mais necessidade de comprar os dvd/bd, outros falaram que compram a depender dos bônus que vem, se a edição for fraca não compram.

Há um tempo atrás eu fiz um post explicando a real importância das vendas de discos, o post esta aqui e vocês podem ler, e mencionei que iriam aparecer gente da indústria falando que era importante e que não era, e apareceu um de cada.

Apesar de Sho Tanaka ainda achar que vendas físicas são o mais importante, ele diz que sim o exterior tem um poder de fazer um anime se dar bem mesmo que no Japão ele tinha sido impopular, e é triste ver um produtor relutante em apostar em novos tipos de fontes de renda para seus animes.

Levem uma coisa em consideração, o que uma pessoa da industria fala, vale apenas para ele,

Fonte


0 comentários:

Postar um comentário