Autoridades jogam a culpa do Suicídio de um garoto em Doki Doki

Autoridades jogam a culpa do Suicídio de um garoto em Doki Doki





Autoridades jogam a culpa do Suicídio de um garoto em Doki Doki


Um garoto de 15 anos na Inglaterra cometeu suicídio, e os pais e os professor acusam que a razão é o game Doki Doki Literature Club.

Professores da cidade de Sunderland (que possui 277.000 habitantes), no norte da Inglaterra, foram orientados a falar para os pais dos alunos sobre os ''efeitos negativos'' de se jogar Doki Doki Literature Club, após a morte de um garoto que jogou o game.

Essa notícia foi divulgada pelo site https://www.sunderlandecho.com que é um site de notícias local, eu fui saber se eles eram um site sério e sim, é um site de notícia sério daquela região.

Autoridades jogam a culpa do Suicídio de um garoto em Doki Doki

O escritório do médico legista de Manchester, que investiga a causa da morte do garoto, disse as autoridades sobre o perigo de jogar o game...

Isso fez um instituto doido aí de proteção a criança fazer as escolas alertarem os pais das crianças sobre o game, e apesar do game avisar que é proibido para menores de idade e não adequados para crianças, as autoridades acham que as garotas fofas da capa são um apelativo para as crianças.

Autoridades jogam a culpa do Suicídio de um garoto em Doki Doki

Após saber do game o legista disse:

''Acredito que a informação é tão preocupante que isso justifica a minha escrita neste momento, para fazer com que as autoridades locais fiquem cientes desta questão.

Isso surgiu devido ao fato de eu estar conduzindo um inquérito sobre a morte de um menino de 15 anos. Evidências obtidas sugerem que ele jogou o game chamado Doki Doki''

Autoridades jogam a culpa do Suicídio de um garoto em Doki Doki

Outras autoridades falaram que vão continuar alertando sobre o perigo deste game e blablablá, e como sempre, não deram mais nenhum detalhe sobre o garoto, só jogaram a culpa no game.

Fonte

A Inglaterra está se tornando um país ruim para gostar de animes. A BBC já chegou a fazer uma matéria em que praticamente dizia que animes promoviam a pedofilia e neste ano a Inglaterra não aceitou o game Omega Labyrinth Z.

O que eu acho disso é que esse povo precisa aprender a cuidar dos seus filhos. O game avisa que é proibido para menores, ''ah, mas tem meninas fofas'', foda-se, tá cego? Não sabe ler que é proibido pra menor? Parece que os pais de hoje não tem mais autoridade sobre os filhos.

''ah, meu filho vai querer jogar porque tem meninas fofas na capa'', problema dele.

0 comentários:

Postar um comentário